Faltam R$ 180 para o seu frete sair de graça!
WhatsApp

Cães do Morro da Lua

A Petinhood está junto nessa empreitada

O Projeto Cães do Morro da Lua nasceu há 5 anos, quando as fundadoras conheceram o Sr. Paô, hoje com 74 anos, morador da favela Morro da Lua e que na época tinha pouco mais de 90 cães e alguns gatos, ou seja, eram mais de 100 animais vivendo na mais pura miséria, passando fome, doentes, subnutridos e extremamente carentes de amor. Situação caótica e triste de ver.

Diante desse cenário, foi impossível não fazer nada. A protetora Thais Guandalini, desesperada com a situação, fez uma chamada para um mutirão de limpeza e cuidados com os animais (Formiguinhas em ação). Foi nessa ocasião que Helena Blanco entrou na empreitada, e lá estão até hoje, mantendo o projeto.

Desde 2016 contam com a ajuda de Ellen Laronga e mais algumas pessoas que entraram como voluntárias para somar. Dessa forma, conseguiram reduzir o número de animais e salvar cada vez mais vidas.

O projeto é mantido por parcerias como a Clínica Hippopet, que socorre todos os animais que são levados para lá, mesmo que o projeto não tenha o dinheiro necessário para pagar; com as doações de seguidores, bem
como com a PETinHood, que destina parte de suas vendas ao projeto.

Todo animal que chega ao Morro da Lua passa por exame de hemograma. Caso estejam com um bom resultado, tomam a primeira dose de V-10, e depois de 10 dias já podem ser castrados.

Caso o resultado aponte alguma doença viral, primeiramente são tratados (alguns tratamentos podem levar até 60 dias) para então seguirem com a vacinação e castração.

Desde sua fundação foram feitas algumas reformas no espaço do Sr. Paô, mas o Morro continua sendo um local difícil para se manter animais.

É preciso criar uma melhor estrutura para que os animais sejam separados de acordo com temperamento, tamanho, estado de saúde etc. Por isso lutamos tanto para evitar que cada vez mais animais vão parar no Morro.

Até hoje já foram doados mais de 450 animais.

Fechar Menu
×
×

Carrinho